Brad Pitt: Porque Deus é tão egomaníaco?

O texto que segue é uma tradução livre que fiz de um post recente de John Piper. Não tá a melhor coisa do mundo, admito, mas, gostaria muito que conhecessem o conteúdo e tivessem uma noção do que foi escrito porque me edificou bastante. E creio que é algo que Deus pode usar para mexer com muita gente que tem problema com a aparente egomania de Deus.

***

Em um entrevista de 2007 para Parade,revista de variedade americana, o ator Brad Pitt descreveu como “tropeçou”, tanto como C. S Lewis e Michael Prowse e Erik Reece antes dele, na questão do “ego Divino”. Durante a infância na qual foi batista do sul a religião funcionou. Mas isso não durou muito tempo.

Religião funciona. Eu sei que que há conforto nela. É algo para explicar o mundo e mostrar que há algo maior que você, e que tudo vai ficar bem no final. Isso tem funcionado porque é reconfortante. Eu cresci aprendendo isso e funcionou para mim em diversas crises que passei durante os tempos de escola, mas  não foi pra sempre.

Porque não? Por causa do ego de Deus.

Eu não entendia a idéia de um Deus que diz, “voce te que me conhecer. Voce tem que me dizer “você é o melhor, e só aí vou lhe dar felicidade eterna. Se não, nada feito.” Isso pareceu muito egoísta para mim. Eu não consigo ver Deus agindo baseado em seu ego, simplesmente não faz mais sentido para mim.

Então vamos lá mais uma vez.

Deus é infinitamente sábio, justo, santo, forte e bom. Mas a ordem de Deus para que o contemplemos a Ele como Ele é, e encontremos satisfação nisso foi a razão pela qual Brad Pitt achou Deus ilógico. A divindade de Deus tem sido um problema há muito tempo.

Há uma resposta para a aparente egomania de Deus e sua exigência para que nós o aceitemos como supremo e plenamente satisfatório –Ele é o  Tesouro do universo:

Razão #1 – Ele é soberanamente precioso e soberanamente satisfatório.

Razão #2 – Recebê-lo como tal é única maneira de encontrar plena alegria

Razão #3 – Portanto, sua exigência pelo que devemos fazer é por amor e não por egomania.

Ore pelas centemas de Brad Pitts para que vejam que a exigência de Deus por adoração é uma exigência para que desfrutemos do que é a verdadeiro e supremamente desejável.

via DesiringGod.org

Anúncios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s