E surge algo novo: músicas

Início de ano novo. Nada melhor que começá-lo com coisas novas que me surpreenderam no ano passado.  Os gêneros são muito variados entre si, mas são todos boa música (pelo menos a meu ver, rs).

Alguns trabalhos, eu conhecia superficialmente e ainda assim me surpreenderam. Espero o retorno de vcs dizendo o que acharam desse tipo de postagem aqui no blog. Pretendo colocar mais coisas relacionadas a outras mídias.

Kirk Whalum

Não é de agora que Kirk Whalum me surpreende mas ver o DVD “Gospel According to Jazz Vol. 3″ foi uma experiência muito interessante. Destaque para como o Kirk relaciona a expressão da música a pregação do evangelho. Conheçam! Abaixo o trailer do DVD e uma música lançada no mesmo.

RED

Achei essa banda num momento em que buscava alguém que fizesse bom rock aliado com uns toques sinfônicos. Esses caras me surpreenderam com algo muito bem feito que merece ser notado.

Leah Smith

Sem dúvida uma das melhores surpresas foi conhecer o trabalho dessa mocinha super talentosa. Ela já trabalhou com Israel Houghton como backing vocal e mostra com seu novo EP o talento de letrista e interprete. Vale uma pesquisa mais profunda.

Gungor Band

Que Michael Gungor é um excelente compositor eu sabia por músicas como “Friend of God” ou “Say So”. Agora que a sofisticação dele envolvia coisas tão variadas para mim foi surpresa. Não é a toa que o nome de seu novo trabalho é Beatiful things (Coisas Belas –  tradução livre hehe).

Ouvir as escolhas de acordes e a maneira como ele introduz pequenas variações ao longo de uma música como essa Dry Bones foi bom demais. Eu aconselho que você procure a letra dessa e de outras músicas desse trabalho tão bacana.

Luiz arcanjo

Talvez a essa altura todos já tenham ouvido e comentado  com você sobre como é bom o trabalho de Luiz Arcanjo. Mas eu preciso registrar assim mesmo: foi uma alegria muito grande conhecer o trabalho desse brother que sem dúvidas lançou um dos álbuns que mais me alegraram nesse ano que passou.

The Letter Black – Believe

Essa é uma descoberta mais recente cheirando a nova. A semelhança com o padrão já criado por gente como Evanescence e similares não deve te impedir de ouvir essa galera que, ao que tudo indica, faz um trabalho de qualidade.

 

 

Anúncios

One Comment on “E surge algo novo: músicas”

  1. eita… q dicas legais! Bora colocar mais aqui no blog? Bora? Bora? Bora? =)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s